Press "Enter" to skip to content

Pesadelos podem ter cura com a Prazosina! Saiba tudo sobre o medicamento aqui

Muitos conhecemos a Prazosina, ou cloridrato de prazosina, como um medicamento para quem sofre de pressão alta, pois ele tem efeito vasodilatador, o tornando um anti-hipertensivo. O remédio também é utilizado no tratamento da hipertrofia benigna da próstata, pois relaxa os músculos da bexiga, aliviando os sintomas que são associados à doença.

Porém, o que muitas pessoas não sabem é que a prazosina vem sendo usada também no tratamento de pesadelos, mais especificamente os causados por eventos traumáticos, como por exemplo a guerra. Consequentemente, o remédio também pode ser considerado um tratamento para a insônia, visto que um dos causadores da doença é o estresse pós traumático.

Então, se você tem algum estresse pós traumático e está tendo dificuldade para dormir, temos a solução! Continue lendo para saber tudo sobre a Prazosina, incluindo seus efeitos colaterais e mecanismos de ação.

Transtorno de Estresse Pós Traumático (TEPT)

TEPT transtorno de estresse pós traumático

Antes de falarmos sobre a utilização da prazosina no tratamento de pesadelos em função do estresse pós traumático, vamos falar sobre o transtorno. O TEPT é definido como um distúrbio da ansiedade, caracterizado por um conjunto de sinais e sintomas físicos, psíquicos e emocionais.

Isso acontece quando a pessoa foi vítima ou testemunha de atos violentos ou situações traumáticas, que representaram ameaça à sua vida ou de pessoas próximas. Quando a pessoa lembra do fato, revive o acontecimento como se estivesse se repetindo naquele momento, sentindo a mesma dor e sofrimento da primeira vez. Essa recordação desencadeia alteração neurofisiológicas e mentais. Saiba mais com a psiquiatra Maria Fernanda Calini, no vídeo abaixo:

Um dos sintomas do Transtorno de Estresse Pós Traumático é a Reexperiência Traumática da situação. Ela pode vir em forma de pesadelos e lembranças espontâneas, involuntárias e recorrentes do evento traumático.

Como controlar pesadelos?

Além de ser um anti-hipertensivo, a prazosina foi recentemente identificada também como um possível tratamento para pesadelos provocados por eventos traumáticos. Estudos apresentados no Congresso Europeu de Psiquiatria – em Praga, na República Tcheca – comprovaram a eficácia da prazosina também como tratamento psiquiátrico.

prazosina

Isso porque o remédio bloqueia algumas funções da adrenalina no corpo, reduzindo assim a ansiedade e o risco de pesadelos de pessoas que sofram de estresse pós-traumático. Quem sofre desse tipo de estresse, tem pesadelos pesados, muito assustadores, que normalmente envolvem ameaças físicas e emocionais. Isso acaba prejudicando a qualidade do sono e gerando a insônia.

A notícia que a prazosina pode ajudar no tratamento de pesadelos é muito boa, visto que não existem muitos medicamentos disponíveis para o tratamento de pesadelos. O remédio foi parar na lista de terapias para o sono por acaso. O objetivo dos estudos com o medicamento era apenas encontrar uma nova droga contra a hipertensão.

Porém, durante os testes, notou-se que as pessoas medicadas com a prazosina dormiam melhor e muito raramente tinham pesadelos. Então os cientistas decidiram destinar testes do remédio para pacientes que sofriam de transtorno do estresse pós-traumático, que tem o pesadelo como um dos principais sintomas.

dormir bem

Os resultados trazem boas notícias: há evidência da eficácia da prazosina no tratamento de pesadelos. Supõe-se que o remédio aja sobre os receptores de noradrenalina, que são super estimulados durante os pesadelos. Porém, há critérios para a sua indicação. O neurologista Shigueo Yonekura adverte “O remédio só é receitado quando o sonho ruim é recorrente e a pessoa vivencia situações muito desagradáveis durante ele”.

Bula Prazosina

A seguir, vamos falar as principais informações encontradas na bula do medicamento, mas você também pode acessar a versão na íntegra clicando aqui.

Para que serve?

O remédio é indicado no tratamento de vários casos de pressão alta. O remédio é indicado em alguns casos de insuficiência cardíaca congestiva grave. Também é utilizada por homens no tratamento da hipertrofia benigna da próstata, por relaxar os músculos da bexiga e aliviar sintomas associados à doença. Além disso, a Prazosina agora também é utilizada para prevenir pesadelos em pacientes que sofram do transtorno de estresse pós traumático.

Mecanismos de ação

O medicamento atua inibindo o alfa pós-sináptica, receptores adrenérgicos, no músculo liso vascular. Isso inibe o efeito vasoconstritor de catecolaminas circulantes e libertados localmente (epinefrina e norepinefrina), resultando em vasodilatação periférica.

Efeitos colateraiscansaço é efeito colateral

Conheça alguns dos efeitos colaterais mais frequentes proporcionados pelo consumo da prazosina:

  • Cansaço excessivo;
  • Tonturas;
  • Dor de cabeça;
  • Náuseas;
  • Palpitações;
  • Sonolência;
  • Boca seca;
  • Vertigem;
  • Dor nas articulações;
  • Aumento das mamas;
  • Reações alérgicas na pele.

Contraindicações

A Prazosina é contraindicada para crianças com menos de 12 anos e também para pessoas com hipersensibilidade às quinazolinas, cloridrato de prazosina ou algum outro componente da fórmula. Gravidas e lactantes só devem usar o medicamento com orientação médica.

Como tomar?

pilulas

A dose de prazosina a ser tomada depende do tratamento. Cada médico deve adaptar a dose de acordo com o caso e problema a ser tratado. Porém, a dose inicial recomendada é de 1 mg uma vez ao dia, antes de deitar. Ela pode ser aumentada gradualmente até 20 mg diários.

Preço

O preço da prazosina varia entre 20 e 60 reais, dependendo da dosagem e também do local de compra.

 

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *